A cruz que alumeia o mundo: narrativas memoráveis sobre os penitentes e a devoção à Cruz da Rufina, no sul do Ceará.

Cícero Joaquim dos Santos

Resumo


Este artigo problematiza a relação entre as práticas dos penitentes e a construção das memórias sobre a devoção à Santa Cruz da Rufina, no Sul do Ceará. Um monumento foi erguido em homenagem ao padecimento trágico da Rufina, possivelmente ocorrido entre os fins do século XIX e o limiar do século XX. Tomando como núcleo da investigação as narrativas orais dos devotos desse espaço sagrado, a pesquisa abarca o universo fúnebre e devocional dos narradores, apresentando os passos palmilhados pelos penitentes e as escutas sensíveis dos devotos.

Palavras-chave


Memória. Penitente. Morte

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Revista Brasileira de História & Ciências Sociais - RBHCS

Qualis Capes B1 - A Nacional

ISSN 2175-3423

Universidade Federal do Rio Grande - FURG


A Revista Brasileira de História & Ciências Sociais utiliza  Licença Creative Commons Attribution 4.0

Creative Commons License

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia